Veja quais nutrientes devem ser priorizados para você envelhecer bem

Com o envelhecimento, o corpo passa por várias alterações fisiológicas. Nesse processo natural, algumas mudanças nos hábitos são importantes para manter boas condições de saúde, como uma alimentação rica em nutrientes.

Em conversa com a Coluna Claudia Meireles, a nutricionista Letícia Gasparetto explica que, com o passar dos anos, o metabolismo desacelera, a massa muscular diminui e a absorção de nutrientes pode ser menos eficiente. Por isso, é fundamental ficar atento à ingestão de macro e micronutrientes que atendam às necessidades específicas do organismo.

“Podem surgir deficiências de vitamina D, cálcio, vitamina B12 e ferro. Isso pode resultar de uma combinação de fatores, incluindo dieta inadequada, menor exposição ao sol e problemas de absorção”, explica.

Proteínas, carboidratos e gorduras boas devem ser incluídas na dieta

Na avaliação da especialista, envelhecimento saudável é “aquele sem desnutrição”, que mantém as quantidades certas de gordura e músculos no corpo para a realização de atividades essenciais, a exemplo da caminhada. Por isso, é fundamental incluir proteínas, carboidratos e gorduras boas nas refeições.

“As proteínas ajudam a manter a massa muscular, os carboidratos fornecem energia e as gorduras saudáveis são importantes para a saúde cardiovascular e cerebral”, explica.

Bife de filé-mignon, ovo cozido, coxa de frango, feijão-preto e sopa de lentilha são alguns dos alimentos citados pela profissional ricos em proteínas.


0

Nos micronutrientes, iguarias com vitaminas e minerais não podem faltar, segundo Leticia. “A vitamina C apoia o sistema imunológico e a vitamina A ajuda na vitalidade dos olhos. Minerais, como o cálcio, são necessários para a resistência dos ossos. Cada um desempenha papéis específicos na manutenção da saúde e prevenção de doenças”, explica.

Mulher branca, de cabelos longos e claros está sorrindo e segurando um recipiente com saladas - Metrópoles
Com o passar dos anos o metabolismo desacelera, a massa muscular diminui e a absorção de nutrientes pode ser menos eficiente, por isso é importante fazer mudanças na alimentação

Além de mudanças na alimentação, a pratica de atividade física ao longo da vida é decisiva, de acordo com Gasparetto, para ser um “idoso firme e ágil”.

Para saber mais, siga o perfil de Vida&Estilo no Instagram

window._taboola = window._taboola || [];
_taboola.push({
mode: “rec-reel-2n5-a”,
container: “taboola-mid-article-reco-reel”,
placement: “Mid Article Reco Reel”,
target_type: “mix”
});


Posted

in

by

Tags:

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *