Crianças brasileiras em Gaza têm gripe e irritação nos olhos

Em comunicado divulgado neste domingo (29/10), a representação brasileira em Ramala, na Cisjordânia, informou que algumas crianças do grupo de brasileiros na Faixa de Gaza estão gripadas e com irritação nos olhos. Além disso, há relatos de problemas no acesso a água e gás, além da proliferação de mosquitos.

As informações chegaram à embaixada após a retomada do contato via internet com o grupo de 30 brasileiros que aguarda a repatriação. Eles estão hospedados em Rafah e Khan Yunis, no sul da Faixa de Gaza, e aguardam a abertura da fronteira com o Egito para deixarem a região.


0

“Segundo informações obtidas pelo embaixador Alessandro Candeas, na região de Khan Yunis há relatos de problemas para conseguir acesso a água e gás e de proliferação de mosquitos. Algumas das crianças estão gripadas e com irritação nos olhos. O governo federal segue monitorando diariamente a situação”, consta no comunicado.

A retomada do contato ocorreu após um bombardeio na região afetar os serviços de celular e internet. O grupo de brasileiros aguarda, há mais de uma semana, a abertura da fronteira com o Egito para deixar a Faixa de Gaza. Um avião presidencial brasileiro está posicionado no Cairo, capital egípcia, para repatriar o grupo. O processo ainda não foi realizado por falta de acordo entre as autoridades envolvidas no conflito.

Contato com brasileiros em Gaza

No sábado (28/10), a Secretaria de Comunicação da Social da Presidência da República informou que a representação do Brasil na Cisjordânia retomou o contato com os brasileiros que aguardam repatriação na Faixa de Gaza.

A retomada do contato ocorreu após um bombardeio na região afetar os serviços de celular e internet. Segundo o governo brasileiro, a embaixada localizada em Ramallah, na Cisjordânia, constatou que os brasileiros ainda têm acesso a água e alimentos para os próximos dias.

“Restabelecemos o contato com nossos nacionais nas duas cidades e continuaremos monitorando a situação”, afirmou o embaixador Alessandro Candeas.

Israel intensifica bombardeios

As Forças Armadas de Israel intensificaram os ataques contra Gaza na sexta-feira (27/10). O porta-voz militar israelense, Daniel Hagari, informou que o país vai “expandir” as operações na região.

“Estamos preparados em todas as frentes para preservar a segurança de Israel”, detalhou Hagari em comunicado televisionado.

window._taboola = window._taboola || [];
_taboola.push({
mode: “rec-reel-2n5-a”,
container: “taboola-mid-article-reco-reel”,
placement: “Mid Article Reco Reel”,
target_type: “mix”
});

O diretor da Sociedade Palestina do Crescente Vermelho (PRCS), Marwan Jilani, divulgou em seu perfil oficial na rede social X, antigo Twitter, que perdeu o contato com todas as equipes que atuam na Faixa de Gaza.


Posted

in

by

Tags:

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *