A canja de galinha ajuda mesmo quando estamos doentes? A ciência responde

Hoje, gerações de praticamente todas as
culturas juram pelos benefícios da canja de galinha.

A canja de galinha, conta o site
zap.aeiou.pt, como terapia pode ser rastreada até 60 d.C. e Pedanius
Dioscorides, um cirurgião militar que serviu sob o imperador romano Nero, e
cuja enciclopédia médica de cinco volumes foi consultada por curandeiros
durante mais de um milénio. Mas as origens da canja de galinha remontam a
milhares de anos antes, à China antiga.

Então, com a época de gripes e constipações
em pleno andamento, vale a pena perguntar: existe alguma ciência que apoie a
crença de que ajuda? Ou a canja de galinha serve apenas como um placebo
reconfortante, ou seja, proporcionando benefícios psicológicos enquanto estamos
doentes, sem um benefício terapêutico real?

O que dá à sopa esse sabor distintivo é o
“umami” – a quinta categoria de sensações gustativas, juntamente com o doce,
salgado, azedo e amargo. É frequentemente descrito como tendo um sabor
“carnudo“.

Melhoria do
apetite, melhor digestão

Segundo a mesma fonte, isto faz sentido,
porque os aminoácidos são os blocos de construção das proteínas, e o aminoácido
glutamato é encontrado em alimentos com o sabor umami. Nem todos os alimentos
umami são carne ou aves; queijo, cogumelos, miso e molho de soja também o têm.

Estudos mostram que o sabor, afinal, é
fundamental para as propriedades curativas da canja de galinha. Nos casos de
pacientes com doenças respiratórias superiores, muitos deles estão subitamente
a comer menos ou não comem de todo.

Isto ocorre porque as
doenças agudas desencadeiam uma resposta inflamatória que pode diminuir o seu
apetite. Não ter vontade de comer significa que é improvável que obtenha a
nutrição de que precisa, o que dificilmente é uma receita óptima para a saúde
imunitária e a recuperação da doença.

Mas evidências sugerem que o sabor umami na
canja de galinha pode ajudar a estimular um maior apetite. Os participantes de
um estudo disseram que se sentiram mais famintos após o primeiro gosto de uma
sopa com sabor umami adicionado pelos investigadores.

Em suma, a ciência mais recente sugere que a canja de
galinha – embora não seja uma cura absoluta para gripes e constipações –
realmente ajuda na cura. Parece que a avó tinha razão mais uma vez.

Texto originalmente publicado na edição impressa do
Expresso das Ilhas nº 1143 de 25 de Outubro de 2023.


Posted

in

,

by

Tags:

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *